Na 13ª Sessão Ordinária, dia 27 de agosto, os vereadores apreciaram em plenário o Projeto de Lei do Executivo que prevê multas e penalidades a proprietários de terrenos com má conservação no município. Todos os vereadores expõe a necessidade de uma regulamentação nesse sentido uma vez que a cobrança da população em relação a terrenos sujos e queimadas são maciças. Porém, alguns vereadores se posicionaram de forma divergente em relação às penalidades que os proprietários dos terrenos sofrerão com essa nova Lei. O vereador João Fernando e a vereadora Maria José indagaram sobre o valor das multas aplicadas pela Lei. Segundo eles, a limpeza é necessária e a penalização também. Contudo, certos valores aproximam-se de R$900,00, o que para eles é exorbitante.
A Câmara aprovou o projeto por unanimidade em primeira votação, agora eles apresentarão Emendas ao texto original, a fim de adaptá-lo de acordo com suas indagações.